Um amor perfeito

12.3.13


Na hora em que nos olhamos pensei que meu coração fosse parar, mas não aconteceu absolutamente nada, eu estava ali, olhando para aquela pessoa que foi causadora das minhas noites mau dormidas, pessoa que já havia me assombrado tanto, o motivo das minhas lágrimas, do meu sofrimento […] e eu não senti nada, era como se eu estivesse olhando para uma pessoa qualquer, as imagens dos momentos que já havíamos passado dessa vez não passaram pela minha cabeça, meus pensamentos ficaram quase em branco, e a única coisa que passava em minha cabeça, era você, seu sorriso, suas palavras, o seu jeito. Ao certo não sabia dizer o que, depois descobri que simplesmente era você, descobri o quanto eu já sofria só pelo fato de não te ver durante poucos dias. Hoje, não sei muito bem dizer o que sinto por você. Amor? Não, eu realmente não sei só posso afirmar que gosto muito de você e se fosse por mim, ficaria contigo pra sempre sem me preocupar com nada. Confesso que tenho medo, de me apaixonar por você e acabar correndo o risco de sofrer a mesma coisa, mas mesmo com esse medo pretendo me arriscar e ir até o final, e eu sei que no fundo não será um final ruim. Irei fazer tudo aquilo que estiver ao meu alcance pra te fazer feliz, e já que chegamos onde estamos não ficarei aqui olhando sem ter reação alguma as outras pessoas chegando em você com segundas intenções. Às vezes, isso tudo até me parece um sonho, por estar acontecendo do jeito em que eu nunca imaginei acontecer, mas acho que é melhor. Tenho medo de perder, mas vontade de deixar. Paixão de adolescente talvez não tenha futuro, mas o presente me acompanha e o passado me assombra. E não sei explicar o que sinto o que realmente acontece eu só sei que é bom que fico bem com você eu não sei ao certo o que dizer por que as palavras nem sempre são certas e os caminhos insertos.
Eu me sinto perdida no meio de uma estrada, procurando qual a melhor direção seguir. Não consigo entender o que devo fazer? Ficar parada esperando um carro passar com um homem dentro que talvez me faça feliz? Ou ir andando em uma direção que não me leve até você. Essa estrada pode num dar em lugar nenhum, como também pode dar em um jardim com uma casa de campo com um cozinheiro chefe especialista em um tempero chamado novos desafios.

You Might Also Like

0 comentários

Seguidores

Popular Posts

Like us on Facebook